Aos 82 anos, Joaquim se emociona ao visitar Usina Pureza, antigo local de trabalho em S.Fidélis

Vídeo gravado pela filha de Joaquim repercutiu nas redes sociais. Em um documento que ele ainda guarda, consta como data de admissão o dia 1º de abril e 1971. A usina foi a maior expressão do município de São Fidélis na economia sucroalcooleira
Fotos: Reprodução

As imagens diante de seus olhos eram bem diferentes das que carregava em sua memória, mas despertaram lembranças de uma época em que o município de São Fidélis, no Norte Fluminense, vivia um momento de grande desenvolvimento econômico. Foi durante uma conversa com o pai, o senhor Joaquim Alberto Peres, que a YouTuber Myrian Larrúbia viu um livro com registros de quando ele trabalhava na Usina de Cana de Açúcar e Álcool de Pureza. Ela então o convidou para visitar a antiga Usina, na localidade de Usina Pureza, zona rural, e registrou tudo em um vídeo, publicado em seu canal no YouTube. “Ele ficou muito ansioso, esperou uns dois dias pra eu poder ir, porque eu precisava ir em um final de semana. Foi muito emocionante, está repercutindo muito” – conta Myrian. Ela não soube precisar há quanto tempo seu pai não visitava o local, mas é certo de que fazem muitos anos, já que ele relata que se aposentou em 1997. Em uma carteirinha que Joaquim ainda guarda consigo, consta como data de admissão o dia 1º de abril e 1971. Ele seria responsável por, a cavalo, monitorar os trabalhadores. (continua após o vídeo)

Myrian se mostra surpresa com a repercussão do vídeo e relata que tem recebido dezenas de mensagens de pessoas que estão revivendo o passado junto ao seu Joaquim. “Tem muita visualização. O meu pai se emocionou. Foi um vídeo simples, porém repercutiu muito por causa das lembranças da Usina, que era muito animada, empregava muita gente na época. Tem muitos comentários. Achei que só o pessoal daqui de Pureza fosse ver, mas pessoas de fora, que moraram aqui, estão entrando em contato” – conta. Ela ainda não falou com o pai sobre essa repercussão, mas ele soube por outra filha, e se alegrou. Myrian relata ainda que algumas pessoas estão citando nomes de ex-funcionários da Usina, para que ela pergunte ao pai sobre eles. Ela vai publicar em breve um novo vídeo com a segunda parte da visita e novos relatos da história local. (continua após a publicidade)

Foto: Elis Miranda, 2018 (Acervo Fotográfico do LabCult)

A Usina Pureza, foi fundada em 1885, a partir da política Imperial de construção dos Engenhos Centrais, foi a maior expressão do município de São Fidélis na economia sucroalcooleira, que teve pujança no Norte Fluminense ao longo dos séculos XVIII e XIX, mas que a partir das primeiras décadas do século XX encontrou uma série de dificuldades, entrando em decadência culminante no atual estado de desmonte das estruturas produtivas. Diante desse panorama, a Usina Pureza teve seu funcionamento cada vez mais inviabilizado*. A Usina produziu mais de 200 mil sacos de açúcar e dois milhões de litros de álcool, e contava com quase mil empregados.
*Informações do Projeto de Pesquisa Ruínas do Açúcar, coordenado pelos professores Marcelo Werner da Silva e Elis de Araújo Miranda, publicado pela Revista da Rede Brasileira de História da Geografia e Geografia Histórica.

VEJA MAIS

VEJA MAIS