quinta-feira , 29 outubro 2020
Idosa de 71 anos morreu após ser torturada e ter parte do corpo queimado dentro da própria casa

Adolescentes acusados de torturar e matar idosa são apreendidos, em Rio das Ostras

Fotos: Divulgação

Agentes da 128ª Delegacia de Rio das Ostras apreenderam um casal de adolescentes acusados de prática análoga a homicídio qualificado. A vítima, uma idosa de 71 anos, morreu após ter sido torturada e ter parte do corpo queimado dentro da própria casa no município.

Segundo a Polícia Civil, as investigações tiveram início após a morte violenta, com base no testemunho de familiares da vítima e de vizinhos. A Polícia ainda teve o auxílio das câmeras de seguranças obtidas próximas ao local do crime.

Desse modo, os agentes identificaram os autores que foram encontrados na Rua Rio de Janeiro, na Cidade Praiana. Ainda segundo a Polícia Civil, o casal confessou a detalhando as participações no fato. Eles teriam entrado na casa para praticar um roubo, mas a idosa teria gritado e eles a teriam sufocado. Em seguida, os dois atearam fogo na residência.

A polícia ressaltou que se trata de homicídio bárbaro em que os menores puseram fogo na residência da vítima após a imobilizarem e amordaçarem – sendo que ela ainda estava viva.

Após a confissão, ainda de acordo com a Polícia Civil, a autoridade da distrital solicitou a internação dos autores do crime, o que foi deferido pela Vara da Infância Federal de Justiça (VIFJ) de Rio das Ostras, após parecer favorável do Ministério Público do Rio (MPRJ).

Mais do SFn