Acidente com produto químico: Cemaden diz que não foi constatada contaminação do Rio Muriaé

A Cedae e as prefeituras de Cardoso Moreira, Italva e Itaperuna também emitiram notas sobre o caso

O Centro Nacional de Monitoramento e Alertas de Desastres Naturais do Estado do Rio de Janeiro informou que os órgãos ambientais e sanitários dos estados do Rio de Janeiro e Minas Gerais não constataram nenhuma contaminação do Rio Muriaé com risco a saúde humana, não indicando a interrupção do abastecimento público proveniente do rio.

Tem Instagram ❓❓ Siga o SF Notícias no Insta > @sfnoticias

Na madrugada desta terça-feira (26/10) uma carreta que transportava 2.420 kg de monoetilenoglicol, produto usado para produção de poliéster, anticoagulante e líquido de arrefecimento, tombou na BR-356, em um local conhecido como “Ponte do Muratóri”, próximo ao município de Patrocínio do Muriaé, em Minas Gerais. O Centro Estadual de Monitoramento e Alertas de Desastres Naturais chegou a divulgar uma nota de alerta para possível contaminação do Rio Muriaé, já que havia possibilidade de o produto ter atingido um curso de água que passa pelo trecho do acidente e deságua no Rio Muriaé, mas segundo o órgão, até o momento não foi detectada nenhuma contaminação do rio.

A Companhia Estadual de Águas e Esgotos, a Cedae, informou que acompanha o caso. Segundo a estatal, técnicos do controle de qualidade da água da companhia fazem coletas frequentes para análise clínicas nos pontos de captação e os laudos mostram que a água está própria para o consumo, sem risco para a população. Os sistemas de abastecimento da Cedae permanecem operando normalmente sem interrupções.

As prefeituras de Cardoso Moreira, Italva e Itaperuna também divulgaram notas informando que até o momento não houve qualquer tipo de contaminação. Ainda de acordo com o Cemaden, as medidas a serem adotadas dependem de análise técnico científica dos órgãos ambientais e sanitários quanto às proporções do acidente, as características do corpo hídrico, as características do produto e sua quantidade envolvida.

VEJA MAIS

VEJA MAIS