Vídeos: Temporal deixa bairros de Pádua debaixo d’água e provoca deslizamentos e transbordamento de valão

Um valão transbordou na zona rural. Estação meteorológica registrou mais de 100 mm de chuva nas últimas 12h. Diversas ruas ficaram alagadas e a água invadiu casas e estabelecimentos comerciais

Um forte temporal atingiu o município de Santo Antônio de Pádua entre o final da tarde e noite desta terça-feira (08). Foi muita chuva em um curto espaço de tempo, que provocou diversos transtornos. Ruas de vários bairros ficaram completamente inundadas. Em alguns pontos apenas caminhões mais altos conseguiam passar.

Tem Instagram ❓❓ Siga o SF Notícias no Insta > @sfnoticias

Segundo os moradores, choveu tanto que ruas que não ficam alagadas, dessa vez ficaram. Ruas do Centro comercial de Pádua ficaram alagadas, assim como a rua da delegacia. Também houve alagamentos ou enxurradas nos bairros Cehab, Caixa D’água, Dezessete, Cidade Nova, Mirante, Ferreira, Gabry, São Felix, Arraialzinho, Gerador, entre outros. Na Chácara a força da água arrancou o calçamento da rua.

continua após o vídeo

Veja outros vídeos no final 

No Centro a água derrubou várias motos que ficaram submersas. Um carro chegou a boiar dentro de um estacionamento. A água invadiu residências em vários pontos da cidade, e alguns estabelecimentos comerciais. Também foram registrados deslizamentos de terra. Em um deles, no Morro da Borracha, uma casa foi parcialmente atingida. O deslizamento atingiu a cozinha e o banheiro do imóvel.

continua após o vídeo

Veja outros vídeos no final 

Segundo dados da estação meteorológica do Centro Nacional de Monitoramento e Alertas de Desastres Naturais, o Cemaden, localizada no bairro Dezessete, o acumulado de chuva nas últimas 12 horas é de 110.4 milímetros de chuva. De acordo com relatos de moradores, um valão transbordou em Ibitiguaçu, inundando ruas e casas (imagem abaixo).

continua após a imagem

Veja outros vídeos no final 

Alerta da Defesa Civil Nacional
Desde a última sexta-feira (04) o Ministério do Desenvolvimento Regional (MDR), por meio da Defesa Civil Nacional, vem alertando para a possibilidade de fortes chuvas em nossa região devido a formação da chamada Zona de Convergência do Atlântico Sul (ZCAS) – quando uma faixa de nuvens fica praticamente estacionada, provocando grande quantidade de chuvas contínuas, na mesma área, por, pelo menos, quatro dias.

O volume de chuvas previsto é acima de 100 milímetros por dia e a região segue em alerta para previsão de mais chuvas fortes até pelo menos esta quarta-feira. Os temporais podem ser acompanhados de ocorrências de alagamentos, inundações e enxurradas e de deslizamentos de terra em áreas de encosta. Isso também é reflexo dos altos acúmulos de chuva que vêm caindo sobre essas áreas ao longo das últimas semanas.

VEJA MAIS

VEJA MAIS