terça-feira , 20 outubro 2020
Cadastramento também será obrigatório em Cantagalo, Santa Maria Madalena, Miracema e outras cidades da região

S. Fidélis, Itaocara, Cambuci, Madalena e Cordeiro terão cadastramento biométrico obrigatório neste ano

O presidente do Tribunal Regional Eleitoral do Rio de Janeiro (TRE-RJ), desembargador Carlos Santos de Oliveira, anunciou, em sessão plenária realizada nesta segunda-feira (29/04), que 35 cidades do estado do Rio de Janeiro terão cadastramento biométrico obrigatório neste ano.

Na região, o cadastramento será obrigatório para eleitores de Bom Jesus do Itabapoana, Cambuci, Cantagalo, Santa Maria Madalena, Conceição de Macabu, Porciúncula, Itaocara, São Fidélis, Natividade, Varre e Sai, Italva, Cardoso Moreira, Laje do Muriaé, Miracema, Cordeiro e Macuco.

“Acreditamos que com essa medida iremos atingir a meta do Tribunal Superior Eleitoral, de que todo o eleitorado esteja cadastrado biometricamente até 2022”, disse o presidente do TRE-RJ.

A previsão é de que a biometria seja iniciada em junho em 10 municípios, incluindo Duque de Caxias, que possui mais de 600 mil eleitores. Os outros municípios a passar pelo procedimento são São João de Meriti, Magé, Iguaba Grande, Arraial do Cabo, Carmo, Rio Claro, Mendes, Vassouras, Engenheiro Paulo de Frontin, São José do Vale do Rio Preto, Sumidouro, Comendador Levy Gasparian, Silva Jardim, Sapucaia, Porto Real, Quatis, Carapebus e Quissamã.

Mais do SFn