quinta-feira , 22 outubro 2020

Rio Paraíba do sul vive sua pior seca em 30 anos: CEDAE afirma que capitação de água está controlada

Fotos: Vinnicius Cremonez
Fotos: Vinnicius Cremonez

O grupo técnico de trabalho criado com representantes dos três estados abastecidos pelo Rio Paraíba do Sul (Rio, SP e Minas Gerais), irá discutir nesta sexta-feira (15)  o desabastecimento do rio e a “manobra” usada pelo estado de São Paulo. A questão do rio já está em ação civil pública desde maio deste ano.

A ação movida pelo Ministério Público Federal do Rio de Janeiro (MPF/RJ), foi realizada quando o MPF em Campos entrou na Justiça contra o projeto de transposição do rio sem os devidos estudos de impacto, uma vez que o projeto paulista prejudicaria o abastecimento de água no estado.

O Rio Paraíba do Sul vive a sua pior seca dos últimos trinta anos. A situação mais grave fica entre São Fidélis e Campos, onde em alguns trechos, é possível atravessar o leito com água na canela. 

Rio Paraíba do Sul foto Vinnicius Cremonez 4Segundo o coordenador da CEDAE de São Fidélis, Jelber Barros de Andrade, no momento a situação de capitação da água do Rio Paraíba do Sul no município está controlada. Ele afirmou ainda que está ocorrendo dificuldades em outros lugares nesse serviço, mas que em São Fidélis mesmo em estado limitado, o processo não está parando por causa da vazão reduzida do rio.

“Apesar de que o nível do rio esteja bem baixo, porém, isso não está nos atrapalhando na capitação. Rio Paraíba do Sul Foto Vinnicius Cremonez 2Está funcionando normalmente e caso o nível fique mais baixo temos uma solução, que é de fazer um rebaixamento da capitação”, disse. Explicou ainda, que essa opção é para não deixar o abastecimento paralisado. “Existem duas capitações, e elas estão funcionando sem nenhum problema”, conclui o coordenador.

A Bacia Hidrográfica do Paraíba do Sul é atualmente a principal fonte de abastecimento fluminense. Mais de doze milhões de moradores de 26 municípios fluminenses poderão ficar sem água no final de outubro caso o governo paulista continue represando volumes do Rio Jaguari.

Rio Paraíba do Sul foto Vinnicius Cremonez 5

 

Mais do SFn