Rio Muriaé transborda em Itaperuna e Avenida é interditada

Segundo a assessoria de imprensa do município, na medição ocorrida às 11h15 min, deste domingo, 09 de janeiro, a cota encontra-se em 4,42m, sendo que a cota de inundação é de 4 metros.

Fotos: André França – Agente da Defesa Civil

O nível do Rio Muriaé segue subindo em Itaperuna, maior cidade do Noroeste Fluminense. Segundo a assessoria de imprensa do município, na medição ocorrida às 11h15 min, deste domingo, 09 de janeiro, a cota encontra-se em 4,42m, sendo que a cota de inundação é de 4 metros.

Tem Instagram ❓❓ Siga o SF Notícias no Insta > @sfnoticias

“A Prefeitura de Itaperuna, por meio da Secretaria Municipal de Defesa Civil e Ordem Pública, vem alertar a população sobre o transbordamento do Rio Muriaé em virtude das fortes chuvas que vêm caindo na região Noroeste Fluminense e bacia do Rio Muriaé nos últimos dias. Por conta da inundação em um trecho da Avenida Sá Tinoco, conhecida como a Beira Rio, este está intransitável. Até o momento 13 pessoas estão desalojadas e em casas de parentes”, diz a mensagem da Defesa Civil. Neste momento, toda a avenida Ministro Sá Tinoco, a Beira Rio, está interditada devido à cheia do rio.

continua após a imagem

“Em virtude dessas condições, a orientação aos moradores de áreas ribeirinhas é a de que recolham, imediatamente, seus documentos e pertences pessoais e os coloquem em local seguro. O mais prudente é levantar os móveis e procurar abrigo na casa de familiares, amigos ou em pontos de apoio disponibilizados pelo município”, diz a Defesa Civil.

Outra preocupação das autoridades é quanto à situação dos moradores de áreas de encosta, uma vez que a terra está bastante encharcada, aumentando, em muito, o risco de deslizamentos. A orientação para essas pessoas é a mesma: que procurem abrigo em casas de familiares e amigos, ou nos pontos de apoio. Em caso de emergência, os moradores podem entrar em contato com a Defesa Civil pelo WhatsApp (22) 3824-6334.

VEJA MAIS

VEJA MAIS