Prefeitura de Cordeiro informou que obras na cidade devem começar em breve, com a conclusão e entrega ainda este ano. Já em São Fidélis, obra foi anunciada em 2014, mas até hoje não saiu do papel

Reunião debate construção de cinema em Bom Jardim, Cordeiro, Miracema e São Fidélis

Reunião aconteceu nessa semana no Rio

Uma reunião realizada na última na segunda-feira, dia 4, na capital fluminense, debateu as obras da construção das salas de cinema do projeto “Cinema da Cidade” em Bom Jardim, Cordeiro, Miracema e São Fidélis. Cordeiro será o primeiro a receber a Sala de Cinema, isso graças ao adiantado estágio do projeto. O lançamento da pedra fundamental do Cinema de Cordeiro terá a presença do governador Wilson Witzel, provavelmente após o carnaval.

Segundo a Prefeitura de Cordeiro, no município, as obras devem começar em breve, com a conclusão e entrega do espaço cultural ocorrendo ainda este ano. Quem garante é o secretário de Cultura de Cordeiro, Luiz Antônio Zica Medeiros, que participou de reunião com o secretário estadual de Cultura, Ruan Lira.

Segundo Zica Medeiros, a expectativa de ter o cinema aumenta porque já está definida e homologada a empresa vencedora da licitação para a construção das salas, a Rivan Construtora Ltda. Os recursos financeiros para garantir as obras também já estão disponíveis na Caixa Econômica Federal, restando apenas a liberação do Orçamento do Governo do Estado, que inclusive já foi divulgada no Diário Oficial (DO).

Enquanto Cordeiro sai na frente, a população de São Fidélis aguarda a tão sonhada obra que foi anunciada em 2014, mas que até hoje não saiu do papel. Em 2016 foi publicado no Diário Oficial do Estado do Rio de Janeiro o extrato do termo de cooperação entre a Secretaria de Estado de Cultura e a Prefeitura de São Fidélis com o objeto de estabelecer cooperação entre as partes, a fim de implantar o complexo exibidor de cinema.

continua após a foto

Imagem: Vinnicíus Cremonez – SF Notícias

O projeto, que será denominado “Cinema da Cidade”, só foi assinado em novembro de 2016, com vigência de 10 (dez) anos. O orçamento previsto é de R$ 4.608.039,95 (quatro milhões, seiscentos e oito mil, trinta e nove reais e noventa e cinco centavos). Em São Fidélis, o complexo será construído na Vila dos Coroados, ao lado do Ginásio Poliesportivo Dr. Roberto Petrucelli, o “Tancredão”.

Mais do SFn