Polícia Civil de Cambuci procura casal foragido

crime casa da vítima
Fotos: Vinnicius Cremonez / Manuela Escalla / Polícia Civil

Homens da 142ª Delegacia de Polícia Civil de Cambuci, seguem fazendo buscas na tentativa de prender um casal que está foragido após matar e decapitar um homem em abril desse ano.

Após um trabalho de inteligência e investigação dos inspetores da delegacia do município, foram expedido pela justiça os mandados de prisão contra cinco pessoas da mesma família, todos vizinhos da vítima.

O corpo de Rosemilton de Morares Machado, de 48 anos, foi encontrado por moradores no dia 11 de abril boiando no Rio Paraíba do Sul, próximo ao centro do município.

Rosemilton que trabalhava como carroceiro e era conhecido como “Bodinho”, estava desaparecido desde o dia oito, e seu corpo foi encontrado decapitado há mais de quatro quilômetros do local onde o crime aconteceu, que fica em uma residência em frente a casa onde “Bodinho” morava, no bairro da Boia.

Três pessoas, entre elas o menor H.Z.F.C., de 16 anos, sua mãe Luciana Ribeiro Zanadi, de 42 anos, e sua esposa, Sueli Estolé Faria, de 19 anos, foram presos no dia cinco de agosto. O menor e sus esposa estavam em uma casa em Pureza, terceiro distrito de São Fidélis. Já sua mãe estava em Portela, distrito de Itaocara.

crime casa do menorOutras duas pessoas, sendo elas, Carlos Henrique Zanadi Amorim, de 25 anos, e sua esposa Vanessa Barbosa de Souza, de 21 anos, ambos da mesma família, ainda estão foragidos.

Em depoimento no dia da prisão, o menor confessor que ele e seu irmão, o Carlos Henrique, ,ataram e decapitaram a vítima, mas uma testemunha que foi a peça fundamental para desvendar esse “quebra-cabeça”, disse que viu as três mulheres ajudando a carregar o “Bodinho” para a residência. Com o relato da testemunha, o juiz indiciou os cinco por homicídio.

crime cambuciO menor foi encaminhado pra o Departamento Geral de Ações Socioeducativas (Degase) em São Fidélis. Já sua mãe e sus esposa foram encaminhadas para o presídio Carlos Tinoco da Fonseca em Campos.

No dia nove desse mês, o São Fidélis Notícias esteve em Cambuci para acompanhar de perto o caso, e a polícia revelou detalhes exclusivos do crime que chocou Cambuci.

Ajude a polícia a colocar os dois acusados foragidos atrás das grades. Você pode ajudar passando informações através dos telefones (22) 2767-2725 ou 190. A polícia não quer saber quem é você, e sim o que você tem a dizer.

crime cambuci 2

VEJA MAIS

VEJA MAIS