Pedágio da BR-101 no RJ ficou mais caro a partir desta segunda

Tarifa básica de R$6,10 passará para R$6,60. Ao todo, são 5 praças de pedágio, sendo uma em Campos, uma em Conceição de Macabu, uma em Casimiro de Abreu, uma em Rio Bonito e outra em São Gonçalo

A partir desta segunda-feira (20), ficou mais caro trafegar pela BR-101 entre o interior do estado e a capital fluminense. É que passou a valer o novo reajuste na tarifa nas cinco praças de pedágio, desde a divisa com o Espírito Santo até São Gonçalo. O reajuste foi aprovado pela Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT), através da Deliberação nº 196/2022, a aprovação da 14º Revisão Ordinária e 14º Revisão Extraordinária das tarifas básicas de pedágio (TBP).

Tem Instagram ❓❓ Siga o SF Notícias no Insta > @sfnoticias

O reajuste corresponde à variação do Índice de Preços ao Consumidor Amplo – IPCA no período, que indicou o percentual positivo de 10,38%, que afetou a 14ª Revisão Ordinária, alterando a TBP de R$ 2,90510 para R$ 2,85010 e a 14ª Revisão Extraordinária, que altera TBP de R$ 2,85010 para R$ 2,85220. A publicação altera, em consequência, com efeito econômico-financeiro a partir da data-base de reequilíbrio contratual de 2 de fevereiro de 2022, a TBP reajustada, antes do arredondamento, de R$ 6,06674 para R$ 6,57450.

A publicação atualiza, na forma da tabela anexa, a Tarifa Básica de Pedágio reajustada após arredondamento, para a categoria de veículo 1, em R$ 6,60, nas praças de pedágio P1, em Campos dos Goytacazes/RJ; P2, em Conceição de Macabu/RJ; P3, em Casimiro de Abreu; P4, em Rio Bonito/RJ; e P5, em São Gonçalo/RJ. O reajuste entrou em vigor nesta segunda-feira.

VEJA MAIS

VEJA MAIS