O número de incêndios já superou o registrado em todo o ano de 2017, quando foi decretada situação de emergência devido à seca

Número de incêndios registrado neste ano e falta de chuva preocupam Defesa Civil de Miracema

O município de Miracema, no Noroeste Fluminense, está em uma situação crítica em relação à falta de chuva e ao número de incêndios registrado em pouco mais de seis meses. De acordo com a Defesa Civil, as equipes já combateram 52 incêndios em 2019, enquanto em todo o ano de 2017, quando a cidade decretou situação de emergência devido à seca, foram registrados 50 incêndios.

O baixo volume de chuva registrado neste ano também preocupa. Ainda segundo a Defesa Civil, choveu apenas 33% da média esperada para o ano todo, e no mesmo período em 2017, choveu 49%. O município já está há 28 dias sem chuva, o último registro foi no dia 4 de junho, quando choveu 12 mm.

Com esse quadro, existe uma preocupação da Defesa Civil em relação ao aumento de incêndios, e a diminuição da chuva, que poderá provocar problemas na saúde pública, como também, a falta de água. Com o avanço de uma forte frente fria pelo Brasil ao longo desta semana, o município pode até registrar alguma chuva na sexta ou sábado, mas não será suficiente para mudar a situação. Para se proteger dos efeitos da seca, a população deve redobrar os cuidados com a saúde, bebendo bastante água, por exemplo. Já para evitar incêndios a Defesa Civil dá algumas dicas, confira AQUI.

 

Mais do SFn