Morre jovem de São Fidélis que tinha sangramentos em diversas partes do corpo

Segundo a irmã de Maria Luiza, ela teve uma parada cardíaca e morreu na madrugada desta segunda, após mais de um mês internada

Morreu na madrugada desta segunda-feira (22/02) a jovem de São Fidélis, no Norte Fluminense, Maria Luiza da Fonseca Souza, de 20 anos, que tinha sangramentos frequentes e espontâneos por diversas partes do corpo, como ouvidos, nariz e gengivas. Segundo Juliana, irmã de Maria Luiza, a jovem sofreu uma parada cardíaca. Ela estava internada há mais de um mês no Hospital Armando Vidal. O SF Notícias contou a história da jovem em setembro do ano passado. Na ocasião a jovem relatou que os tratamentos indicados não surtiam efeito e os sangramentos continuavam. Ela foi diagnosticada com doenças raras e autoimunes, como púrpura, lúpus e até febre reumática.

Em agosto do ano passado Maria Luiza havia sido transferida para o Hemorio, após muito tempo na lista de espera. “Esperava que quando conseguisse a transferência, tudo ficaria bem, mas os médicos não sabem o que fazer comigo, pois meu caso de coagulação é inédito no Hemorio. Desde então, espero pelo diagnóstico do porquê eu ainda estar sangrando tanto, mas nenhum dos médicos descobre” – relatou a jovem em setembro de 2020. No início deste mês amigos e familiares se mobilizaram nas redes sociais pedindo doações de sangue para a jovem. A pedido da família e da própria Maria Luiza, o SF Notícias também publicou matérias pedindo doações. Nossa equipe lamenta o falecimento da jovem e se solidariza com a família e amigos.

VEJA MAIS

VEJA MAIS