terça-feira , 20 outubro 2020

Jovens de São Fidélis poderão ser presos por furto de moto na delegacia de Cambuci

DELEGACIA CAMBUCI 6
Fotos: Vinnicius Cremonez / Polícia Civil

Dois jovens de São Fidélis deverão ser presos após furtarem uma moto no pátio da 142ª Delegacia Legal de Cambuci. O caso aconteceu após os dois serem parados em uma abordagem da Polícia Militar, e a moto em que estavam, ter sido apreendida.

Nossa equipe foi até a delegacia para saber detalhes e contar essa ousadia dos jovens. Segundo um dos inspetores responsáveis pelo caso, J.S.S., de 20 anos, morador da localidade de Usina Pureza, e M.V.J.S., de 19 anos, morador do bairro Vila dos Coroados, pegaram uma moto, uma Honda Biz, com a irmã de M.V.J.S. para irem até a casa da na morada de um deles em Cambuci,  mais os dois acabaram sendo abordados por Policiais Militares, e a moto foi apreendida.

No desespero de voltar para casa sem a moto da irmã de M.V.J.S., os dois resolveram ir até a delegacia para tentar recuperar o veículo, mas o mesmo não estava na delegacia, pois já tinha sido levado para o pátio público em Itaperuna. Como não encontraram a moto, acabaram escolhendo uma outra que estava no pátio, uma Honda Fan, de cor prata.

asdfghjEm depoimento na delegacia, M.V.J.S. relatou que os dois decidiram juntos furtar a moto, mas o J.S.S. nega que teria participado da ação.  Ainda em depoimento,  M.V.J.S. contou que um outro jovem, identificado como W.P.R., de 28 anos, se prontificou a fazer a ligação direta na moto após o furto.

Ao saírem da delegacia, M.V.J.S. foi até um ponto de ônibus na saída de Cambuci para Itaocara, onde encontrou com W.P.R., que fez a ligação direta na moto. Já J.S.S. voltou para a praça no centro de Cambuci, onde ficou esperando M.V.J.S. para voltarem para casa de  M.V.J.S., no bairro Vila dos Coroados em São Fidélis.

Ao chegar em São Fidélis,  M.V.J.S. contou para sua mãe que havia perdido a moto, e J.S.S. contou que um tio dele que vendia moto de leilão, deu o veículo em troca da outro apreendido, e que seu tio iria deixar a moto para a irmã de . M.V.J.S. Desconfiada a mãe do jovem pediu para que J.S.S. levasse o seu tio com os documentos até sua casa, pois a moto só sairia de sua residência depois que isso acontecesse.

asdfghgjkljjApós receberem uma denúncia, os Policiais Civis de Cambuci vieram até São Fidélis para procurar a moto, e durante as buscas, chegaram até uma oficina de moto na localidade da Esperança, onde o proprietário informou o local onde o jovem morava. Os policiais chegaram a encontrar com o M.V.J.S. na rua, mas ao ser abordado, o mesmo informou que se chamava Rafael.

Os policiais localizaram a moto na varanda da casa do jovem, e com autorização de sua mãe, entraram na residência e recuperaram o veículo. Após a recuperação da moto, os dois foram intimados para comparecer na delegacia de Cambuci para prestarem depoimento, onde M.V.J.S. confirmou que os dois cometeram o furto.

No próximo dia três de maço, os dois compareceram novamente na delegacia, onde será feito uma acareação, já que J.S.S. nega participação no furto, e que teria ficado todo o tempo na praça.

J.S.S. confirmou ter contado a história de que o seu tio teria dado a moto, pois M.V.J.S. teria o ameaçado de morte. A polícia ainda investiga se o terceiro jovem apenas teria feito a ligação direta, ou se também teria ido até o pátio delegacia e furtado a moto.

delegacia cambuci 3

Mais do SFn