terça-feira , 27 outubro 2020

Greve dos bancários pode terminar nesta sexta-feira

Após três semanas em greve, bancários devem voltar ao serviço nesta sexta-feira (11/10). A greve nacional dos bancários iniciou no dia 19 do mês passado, e teve grande adesão dos bancos em nossa região.

Entre as principais reivindicações, estão o reajuste salarial de 11.93%  (5% de aumento real além da inflação), participação nos lucros, melhores condições de trabalho, prevenção contra assaltos e sequestros, com o fim da guarda das chaves de cofres e agências por bancários, fim das metas abusivas, a contratação de mais funcionários ao contrário das demissões que estão sendo constantes e o plano de cargos, carreiras e salários (PCCS) para todos os bancários.

“O nosso objetivo não é prejudicar a população, mas inevitavelmente a greve trás alguns inconvenientes, mas pedimos a compreensão da população, pois algumas de nossas metas, trarão melhorias para a população como a proposta de aumentar o horário de atendimento das agências que funcionaria das 9:00 ás 17:00 horas, com dois turnos de trabalho.” disse Ricardo Azeredo que é Secretário geral do Sindicato dos Trabalhadores Bancários e do Ramo financeiro, que está organizando a greve em nossa região.

caixa

Uma nova negociação entre o Comando Nacional, coordenado pela Contraf-CUT, e a Fenaban para ocorrer nesta quinta (10), às 10 horas, em São Paulo. Na sequência, ao meio-dia, haverá negociação das reivindicações específicas com o Banco do Brasil e com a Caixa Econômica Federal.

A nova rodada foi marcada após a rejeição pelas assembleias dos sindicatos da proposta de reajuste salarial de 7,1% e aumento do piso em 7,5%, apresentada pelos bancos na última sexta-feira (4), que foi considerada insuficiente pela categoria.

A Contraf-CUT enviou ontem um ofício do Comando Nacional à Fenaban, comunicando a decisão das assembleias e reiterando que “permanece à disposição para continuar as negociações para a apresentação de uma proposta satisfatória dos bancos, que atenda de fato às reivindicações econômicas e sociais da categoria”.

Em entrevista a nossa redação, o Presidente do Sindicato dos Trabalhadores Bancários e do Ramo Financeiro Dinei Hugo Vinicius, disse que uma assembleia entre a categoria deve ser realizada por volta das 19h desta quinta-feira.

“Existem questões específicas que precisam que serão discutidas com o Banco do Brasil e a Caixa Econômica. A assembleia está marcada para as 19h, mas pode ser que ocorra um atraso”. disse o Presidente do Sindicato.

O Sindicato dos trabalhadores bancários e do ramo financeiro de Campos dos Goytacazes fica à rua Marechal Floriano, 129, Centro.

Contatos: Telefone (22) 2723-4524 E-mails: [email protected]/ [email protected]

Mais do SFn