Espetáculo no céu: Câmeras registram meteoro em Itaperuna, Bom Jesus e outras cidades do RJ

Dezesseis câmeras da empresa Clima ao Vivo registraram o meteoro em Minas Gerais, Rio de Janeiro, São Paulo e Espírito Santo na noite de quarta-feira (14)
Meteoro flagrado em Bom Jesus

Dezesseis câmeras da empresa Clima ao Vivo registraram outro meteoro em Minas Gerais, Rio de Janeiro, São Paulo e Espírito Santo na noite de quarta-feira (14/07). No Estado do Rio, o meteoro foi flagrado por câmeras em Itaperuna, Bom Jesus do Itabapoana, Rio Bonito e Armação dos Búzios. No vídeo é possível ver o meteoro cortando o céu das cidades. Nos dois municípios do Noroeste Fluminense, as câmeras registraram a bolsa luminosa e sua cauda, riscando o céu.

continua após o vídeo

De acordo com o astrônomo Marcelo Zurita da Bramon os asteroides, meteoroides e cometas orbitam o Sol em uma velocidade altíssima, algo entre 40 mil e 266 mil quilômetros por hora. Quando atingem a atmosfera da Terra nessa velocidade, mesmo fragmentos tão pequenos quanto um grão de areia são capazes de aquecer instantaneamente os gases atmosféricos, gerando um fenômeno luminoso chamado de meteoro. “Então, o meteoro é apenas o fenômeno luminoso, nada mais. Meteoro não é sólido, não é líquido e nem gasoso, é apenas luz. Popularmente, o meteoro é também chamado de estrela cadente” – explica. De maneira geral, quanto maior o objeto, mais luminoso será o meteoro. E quando sua luminosidade supera o brilho de Vênus, o meteoro é comumente chamado de ‘fireball’ ou bola de fogo.

 

VEJA MAIS

VEJA MAIS