Centro de Covid de São Fidélis volta a ficar sem pacientes

Com avanço da vacinação, o município vem apresentando melhora no cenário epidemiológico com queda no número de casos, de internações e até de procura por exames na Vigilância em Saúde

O Centro de Combate ao Coronavírus, anexo ao Hospital Armando Vidal, em São Fidélis, no Norte Fluminense, voltou a ficar sem pacientes internados nos leitos de enfermaria e UTI. A unidade até tinha três pacientes internados com sintomas suspeitos da doença, mas com resultados negativos através de exames, todos estão sendo transferidos para leitos fora do setor Covid.

Com avanço da vacinação, o município vem apresentando uma melhora no cenário epidemiológico com queda no número de casos de Covid, de internações e de procura por exames na Vigilância em Saúde. No mês de outubro, São Fidélis registrou o menor número de novos casos de Covid-19 desde novembro de 2020, quando foram registrados 85 novos casos. No último mês o município confirmou 89 casos e 05 mortes em decorrência da doença. Nesses 16 dias de novembro foram registrados apenas 9 casos Covid-19 e uma morte no município.

Tem Instagram ❓❓ Siga o SF Notícias no Insta > @sfnoticias

continua após a imagem

A Vigilância em Saúde também vem registrando queda na procura por exames de pessoas com sintomas suspeitos da doença. Nesta terça, por exemplo, apenas 16 pessoas estiveram na sede da vigilância. Nos últimos meses a Vigilância encaminhava em torno de 150 amostras, por dia, de materiais colhidos em moradores para exames no laboratório de referência do estado.

Para que o município continue registrando quedas nos casos e internações, é preciso que a população siga as medidas de prevenção e procure as unidades de saúde para se vacinar. Nesta terça, por exemplo, teve repescagem para moradores com 12 anos ou mais, que ainda não se vacinaram, e aplicação da dose de reforço para idosos, profissionais da saúde e imunossuprimidos.

Amanhã haverá aplicação de segunda dose para aqueles que tomaram a primeira dose da AstraZeneca e Pfizer até 23/09 e para aqueles que tomaram a primeira dose de CoronaVac até o dia 26/10. A vacinação será em todas as unidades de saúde, das 8h às 16h.

Na quinta (18) haverá repescagem geral, dose de reforço e segunda dose para aqueles que tomaram a 1ª dose da AstraZeneca e Pfizer até 23/09, e para aqueles que tomaram a primeira dose de CoronaVac até o dia 26/10. A vacinação na quinta será no Centro de Diagnósticos por Imagem (CDI), atrás do Hospital Armando Vidal, das 9h às 17h.

VEJA MAIS

VEJA MAIS