Caminhoneiros fazem paralisação na RJ-186 em Santo Antônio de Pádua

Carros, motos e ônibus não estão sendo parados pelos caminhoneiros

Os protestos dos caminhoneiros vêm ganhando força em todos os estados do Brasil e chegaram a Santo Antônio de Pádua, no Noroeste Fluminense (imagem abaixo). Em alguns pontos, como no Espírito Santo, pontos de concentração de caminhoneiros nas rodovias começaram a surgir ainda na noite desta terça, dia 07, mas ganharam força ao longo das quarta (08). De acordo com a Polícia Rodoviária Federal, há pontos de manifestação em rodovias de 13 estados do país.  Nesses pontos os manifestantes estão bloqueando a passagem de outros caminhões. Carros, motos e ônibus não estão sendo parados pelos manifestantes, assim como veículos de emergência e caminhões com cargas de remédio e produtos perecíveis.

Tem Instagram ❓❓ Siga o SF Notícias no Insta > @sfnoticias

continua após a imagem

Na região sudeste do Brasil as manifestações dos caminhoneiros ganharam força através dos pontos formados em rodovias do Espírito Santo, onde a concessionária que administra a BR-101 informou que há pontos de manifestação, sem interdição da pista, em Linhares, Aracruz, João Neiva, Ibiraçu, Serra, Viana, Iconha, Itapemirim, Atílio Vivacqua e Mimoso do Sul, quase na divisa do Rio de Janeiro. 

No Estado do Rio há pontos de concentração de caminhoneiros em Campos, na BR-101, em Manilha e na RJ-186, em Santo Antônio de Pádua. Por lá, os caminhoneiros dizem que a manifestação é pela redução do preço do óleo diesel, da gasolina e dos alimentos. Em outros pontos de protestos pelo Brasil, caminhoneiros bolsonaristas dizem que as manifestações também são em apoio ao governo. Em Pádua, equipes do 36º BPM e da Polícia Rodoviária Estadual (BPRv), do posto da divisa com Pirapetinga, foram deslocadas para acompanhar o ato.

VEJA MAIS

VEJA MAIS