Auxílio Emergencial: Caixa libera hoje transferências e saques da 2ª parcela para 2,7 milhões de beneficiários

No fim de semana, o volume de transações através do aplicativo Caixa Tem superou o número de saques; Através do aplicativo os usuários podem fazer compras em estabelecimentos que têm a maquininha, sem que o beneficiário precise esperar o calendário de saque para começar a movimentar os recursos
Fotos: SF Notícias

A Caixa libera nesta terça (02) as transferências e os saques da segunda parcela do Auxílio Emergencial para 2,7 milhões de beneficiários nascidos em março. A liberação do saque e a transferência da poupança social da Caixa para outros bancos está sendo feita de acordo com o mês de nascimento dos beneficiários. Segundo a Caixa, os recursos estão sendo transferidos automaticamente para as contas indicadas. A liberação do saque e a transferência para os beneficiários nascidos em janeiro ocorreu no último sábado (30). Nesta quarta, a liberação será para os nascidos em abril, e assim por diante até o sábado, dia 13 de junho, para os nascidos em dezembro, com exceção do domingo (7). A transferência dos valores será feita para quem indicou contas para recebimento em outros bancos ou poupança existente na Caixa. Com isso, esses beneficiários podem procurar as instituições financeiras com quem têm relacionamento, caso queiram sacar. (continua após a publicidade)

Ainda segundo a Caixa, mais de 50 bancos participam da operação de pagamento do auxílio emergencial. Todos os beneficiários do Bolsa Família elegíveis para o auxílio emergencial já receberam o crédito da segunda parcela. No fim de semana, o volume de transações através do aplicativo CAIXA Tem superou o número de saques. Nos dias 30 e 31 de maio, foram realizados aproximadamente 500 mil saques, enquanto as movimentações pelo aplicativo superaram 735 mil operações. Com isso, o fluxo de pessoas nas agências segue controlado, sem aglomerações e de forma escalonada, de acordo com o banco. Através do aplicativo CAIXA Tem, os usuários podem fazer compras em estabelecimentos que têm a maquininha, sem que o beneficiário precise esperar o calendário de saque para começar a movimentar os recursos.

VEJA MAIS

VEJA MAIS