Aumento na conta de água gera reclamações entre moradores de Cordeiro

Taxa de esgoto passou a ser cobrada aos moradores fazendo com que algumas contas dobrassem de valor

Aumentos na conta de luz, na gasolina, no diesel, no gás de cozinha, nos alimentos. A cada dia os preços dos serviços essenciais sobem, assustando a população. Em Cordeiro, na Região Serrana do Rio, os moradores estão se queixando do aumento nas contas de água, além da cobrança de taxa de esgoto. Indignado, um morador do bairro Rodolfo Gonçalves fez uma publicação em uma rede social. “Além de agora cobrar um valor absurdo de esgoto dessa estação que fede o dia inteiro, mais um aumento para o comerciante em plena pandemia. Gastei o mínimo que agora é 135 reais.  Absurdo!” – diz a publicação com a conta, no valor de R$ 278,16. Outra moradora se queixa do fato da conta aumentar e ainda chegar antes mesmo do cliente consumir. “Sempre pago 57 reais, aí no mês de janeiro paguei uma de 89 reais, sem aumentar o meu consumo, quando chegou a de fevereiro veio 172 reais e a de março 116 reais” – comentou outra moradora.

Nesta terça-feira (02/03) o vereador André Mion, usou as redes sociais para informar aos munícipes que pediu que a Prefeitura solicite junto a Cedae, através de Ofício, esclarecimentos sobre a cobrança da taxa de esgoto imposta aos moradores do bairro Rodolfo Gonçalves. “Precisamos ter acesso as informações que regem a matéria para podermos dar uma satisfação a população e se possível, através das autoridades competentes, rever as condições pactuadas” – diz a publicação.

Em nota enviada ao SF Notícias, a Cedae esclareceu que não havia cobrança pelo serviço de coleta, transporte e tratamento de esgoto realizado no bairro Rodolfo Gonçalves e informou que os clientes foram notificados. “Cabe destacar que os clientes foram notificados pessoalmente sobre a cobrança pelo serviço de esgotamento, com 60 dias de antecedência à emissão das contas, e cujos vencimentos ocorrerão no mês subsequente à leitura. Em alguns casos, técnicos da Companhia chegaram a realizar até três visitas aos locais para se certificarem de que todos os clientes estivessem cientes que passarão a pagar pelo serviço” – diz a nota. Em caso de dúvidas, a Cedae orienta que os clientes procurem diretamente a agência mais próxima ou liguem para 0800-282-1195.

VEJA MAIS

VEJA MAIS