quinta-feira , 22 outubro 2020
Órgão disse que dois quebra-molas serão retirados até a próxima segunda-feira (29)

Após assaltos, sequestros e mobilização da população, DER vai retirar dois quebra-molas da RJ-158

O Departamento de Estradas de Rodagem (DER-RJ) informou que irá retirar até a próxima semana dois quebra-molas do trecho de Itereré na RJ-158, entre Campos e São Fidélis. O órgão não disse se outros redutores serão retirados nos próximos meses, e nem se serão colocados radares eletrônicos no local. Ao todo, sete quebra-molas foram instalados em um trecho de menos de dois quilômetros. Os redutores de velocidade são alvos de constantes críticas da população fidelense e de moradores de outras cidades que precisam usar o trecho que é considerado o mais perigoso da região devido aos assaltos, sequestros e as tentativas de assalto.

Nos últimos dias criminosos fizeram novas vítimas (reveja AQUI). Diante de tantos casos registrados na “rodovia do medo”, a população de São Fidélis se mobilizou nas redes sociais. Foram colhidas mais de 5 mil assinaturas até o momento em um abaixo-assinado online. A retirada dos quebra-molas também foi debatida em uma reunião do Conselho Comunitário de Segurança. Ao SF Notícias, o presidente do conselho, Joel Barbosa, disse que o pedido formal para a retirada dos redutores foi entregue ao engenheiro e diretor do DER de Campos no último dia 16.

Já o major Frederico, comandante da 4ª Companhia do Batalhão de Polícia Rodoviária Estadual, informou que o BPRv faz patrulhamento e baseamento na rodovia, principalmente na hora do rush matutino e vespertino para garantir a segurança do cidadão sobretudo nos horários de ida para o trabalho, colégio e faculdade. O major também reforçou ao DER o pleito da população fidelense de retirar os quebra-molas. O comandante lembrou também que as vítimas precisam fazer o registro na delegacia, pois mesmo diante de tantos relatos ocorridos nos últimos dias, apenas um foi comunicado à polícia.

Mais do SFn