Agentes do Degase entram em greve por tempo indeterminado

DEGASSE Foto Vinnicius Cremonez 2Após uma assembleia da categoria, os agentes do Departamento Geral de Ações Socioeducativas (Degase), começaram no final da noite de ontem(25), uma greve por tempo indeterminado em todo o Estado do Rio de Janeiro.

Os servidores pedem o retorno do pagamento do plano de cargos e salários, que foi suspenso desde 2011, além de uma política de reajuste salarial igual a dos servidores penitenciários.

Os menores infratores das regiões Norte e Noroeste Fluminense do estado, são encaminhados para a unidade Professora Marilene Henrique Alves, que começou a funcionar em maio do ano passado e  já atua acima da capacidade. Atualmente cerca  de 90 menores estão na unidade, mas sua capacidade é de 80.

A unidade que atende menores entre 12 e 18 anos, fica na RJ 158 entre São Fidélis e Campos, próximo a fábrica de sucos.

VEJA MAIS

VEJA MAIS