Agentes da Defesa Civil, Guarda Ambiental, postura e policiais fiscalizam cumprimento de decretos em S.Fidélis De acordo com uma alteração feita no decreto, bares, restaurantes, lanchonetes e congêneres só podem atender por delivery

De acordo com uma alteração feita no decreto, bares, restaurantes, lanchonetes e congêneres só podem atender por delivery

Imagens: Defesa Civil

Agentes da Defesa Civil, Guarda Ambiental e setor de posturas da Prefeitura de São Fidélis, com apoio de policiais militares, fizeram mais uma ronda nesta quarta-feira (06/05) para fiscalizar estabelecimentos comerciais quanto ao cumprimento de decretos expedidos pela Prefeitura de São Fidélis. Nesta quarta as equipes estiveram nos distritos de Pureza, Colônia e Cambiasca. Segundo o Superintendente da Defesa Civil, Marcos Barreto (Maná), eles encontraram bares e lanchonetes abertos, e orientaram os proprietários a fecharem as portas e trabalharem apenas com Delivery, conforme o decreto publicado pela Prefeitura. As equipes também fiscalizam denúncias de aglomeração em espaços públicos ou realização de eventos. Nesses últimos dias circularam, nas redes sociais, diversas mensagens sobre aglomerações e realizações de eventos em São Fidélis. Também há reclamações de moradores quanto a aglomeração de crianças que ficam brincando em loteamentos. Segundo a Defesa Civil, o Conselho Tutelar já foi acionado para que tome as medidas cabíveis. (continua após a publicidade)

A população pode fazer a sua parte denunciando pontos de aglomeração e descumprimento dos decretos expedidos pela Prefeitura. Para isso foram disponibilizados três telefones. De acordo com o superintendente Marcos, em caso de aglomeração em estabelecimento comercial, descumprimento de medidas de prevenção estabelecidas para reabertura do comércio e realização de eventos em casas de festas e espaços públicos, a população pode ligar para os telefones: (22) 99832-1113 e (22) 99898-5239. A Polícia Militar também pode ser acionada quando houver festas/eventos em residências particulares ou em espaços públicos.

Mais do SFn