quinta-feira , 22 outubro 2020

32 câmeras serão instaladas através do projeto “Cidade Inteligente” em Itaperuna

sdfgjlk
Fotos: Divulgação

Em uma reunião realizada no auditório da Casa do Empresário em Itaperuna, ficou definido a posicionamento das câmeras e segurança que foram parte do projeto “Cidade Inteligente” no município.

No final de novembro de 2014, o professor Gil de Carvalho, da Universidade Estácio de Sá e Universidade Estadual do Rio de Janeiro (UERJ), esteve em Itaperuna apresentando o projeto. Contemplado por edital da FAPERJ (Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Rio de Janeiro), através do Programa de Apoio ao Desenvolvimento Tecnológico, o projeto “Cidade Inteligente” busca aliar ciência e tecnologia com o intuito de melhorar a mobilidade urbana, bem como oferecer módulos referentes à implantação de Central de Monitoramento, Estacionamento Rotativo, Centro Integrado de Controle e Internet Gratuita. De acordo com Ronaldo Souza Ramos, comandante da Guarda Municipal, as câmeras serão instaladas em locais estratégicos.

“As saídas e entradas da cidade serão monitoradas, bem como as principais ruas da cidade e alguns locais específicos”, diz.

dsgffkblhjDentre locais citados durante o encontro, proximidades do Hotel Caiçara, Secretaria Municipal de Obras (antigo Mercado do Produtor), Rua Assis Ribeiro, Rua Dez de Maio, além de ruas nos bairros do município. De acordo com Edmilson Ladeira, Subsecretário de Desenvolvimento, Indústria, Comércio e Turismo, o projeto “Cidade Inteligente” irá proporcionar uma comunicação mais eficiente.

O prefeito não pode participar da reunião devido a compromissos. Ao todo serão instaladas 32 câmeras pelo município. Participaram da reunião Marcelo Ferreira, diretor do Departamento Municipal de Trânsito (DEMUT); o tenente-coronel PM Sylvio Guerra, comandante do 29º BPM; representantes do comércio local e convidados.

Mais do SFn