terça-feira , 20 outubro 2020

16ª Campanha de Doação de Sangue acontece nesta terça em São Fidélis Campanha é promovida pelo Projeto USE, com apoio da Associação Hospitalar Armando Vidal. Ação busca ajudar a abastecer o estoque do Hemocentro Regional, já que houve uma drástica redução no número de doadores voluntários com a pandemia

Campanha é promovida pelo Projeto USE, com apoio da Associação Hospitalar Armando Vidal. Ação busca ajudar a abastecer o estoque do Hemocentro Regional, já que houve uma drástica redução no número de doadores voluntários com a pandemia

Foto: Reprodução

Nesta terça-feira (29/09) moradores de São Fidélis, no Norte Fluminense, e cidades vizinhas terão a oportunidade de ajudar a salvar vidas. Das 9h às 15h, na Beira-Rio (antiga rodoviária), acontece a 16ª Campanha de Doação de Sangue, promovida pelo Projeto USE – Um Sorriso de Esperança, com apoio da Associação Hospitalar Armando Vidal. A ação busca ajudar a abastecer o estoque do Hemocentro Regional, para atender a demanda médica das 25 instituições hospitalares para as quais o Hemocentro fornece bolsas, sendo nove em Campos dos Goytacazes, e mais de 15 unidades em 14 municípios da região. Desde o início da pandemia, houve uma drástica redução no número de doadores voluntários. Na última campanha promovida pelo USE, em março, foram realizados 87 cadastros e 70 bolsas de sangue doadas. (continua após a publicidade)

Aqueles que desejarem doar devem comparecer usando máscara e portando documento oficial de identificação com foto. É preciso ter entre 16 e 69 anos, sendo que doadores com idade de 16 e 17 anos são aceitos para doação mediante o acompanhamento dos pais ou responsável legal, ambos munidos de documentos; o doador deve pesar mais de 50 kg; não estar em jejum; deve ainda evitar alimentos gordurosos e derivados de leite nas três horas que antecedem a doação; não fumar duas horas antes da doação e não ingerir bebida alcoólica nas últimas 12h. Vale lembrar que os doadores têm direito a uma folga no trabalho e podem ajudar a salvar até quatro vidas com uma bolsa de sangue. Quem já contraiu a Covid-19 pode doar 30 dias após a melhora, desde que não esteja com nenhum sintoma e realizando uso de medicamento.

Mais do SFn